Zagueiro Fábio Bilica pede demissão do Atlético de Cajazeiras


A primeira baixa no Atlético de Cajazeiras depois de encerrar a fase de ida do primeiro turno do Campeonato Paraibano de 2018 foi a saída do zagueiro Fábio Bilica. O jogador foi bastante criticado depois da derrota de 2 a 0 para o Botafogo, na rodada passada. Nesta segunda-feira (29), o atleta procurou a diretoria e solicitou a rescisão de contrato.

Para justificar sua solicitação, o experiente jogador alegou como motivo, problemas familiares. A diretoria, juntamente com a comissão técnica atendeu ao pedido de Fábio Bilica, que no ano passado defendeu o São Paulo Crystal, na Segunda Divisão do Campeonato Paraibano.

Antes, Fábio Bilica tinha defendido o Auto Esporte. O jogador que defendeu clubes como Vitória-BA, Grêmio-RS, Seleção Brasileira, em todas as categorias e se destacou atuando na Europa (Venesia, Berscia) e na Ásia, especialmente no futebol da Turquia (Fenerbahçe). “Chegamos em um acordo eu e clube e resolvemos na manhã de hoje”, disse Fábio Bilica, resumindo sua saída.

O diretor do Atlético de Cajazeiras, Alisson Lira (Neguinho do Mondrigon), alegou que atendeu a solicitação para não atrapalhar o jogador que alegou enfrentar problemas particulares. Com a saída de Fábio Bilica, o treinador Índio Ferreira conta com Márcio, Renan e Saulo.

O Atlético que acumula três derrotas e duas vitórias depois de cinco rodadas no Campeonato Paraibano, ocupando o segundo lugar no Grupo B, com seis pontos, volta a jogar, domingo à tarde, contra o Nacional de Patos, no estádio José Cavalcante.

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *