Travesti sofre tentativa de homicídio após programa em Cajazeiras

AM3 – 250×250

e-pequena

O travesti Danilo dos Santos Gomes, de 19 anos, que ficou conhecido pelo apelido de “É Pequena” após a divulgação de um vídeo em que aparece transando com um jovem em praça pública, sofreu uma tentativa de homicídio na madrugada desta terça-feira (7) no Centro de Cajazeiras.

De acordo com depoimento do próprio travesti na delegacia, um jovem identificado como Francisco de Sousa, morador do bairro Capoeiras, o chamou para um programa e após a relação sexual, atirou contra ele usando um revólver calibre 32.

No seu relato ao delagado, “É Pequena” contou que ele e o cliente se deslocaram de moto até as proximidades da UPA e, após o programa, o acusado pediu para urinar, mas ao invés disso sacou a arma e efetuo um disparo. O tiro não atingiu o travesti, que aproveitou para entrar em luta corporal com o jovem e segurar a arma.

Na fuga, o acusado sofreu uma queda próximo à cadeia pública feminina e acabou detido pela polícia. A arma usada no atentado contra o travesti ainda estava com ele.

Francisco foi socorrido pelo Samu para o Hospital Regional de Cajazeiras escoltado pelos policiais e na manhã de hoje recebeu alta, sendo detido em seguida e conduzido à delegacia.

 

EXATAS NEWS
ELIANE BANDEIRA
1 comentário
  1. Ronaldo Diz

    Ficou muito bom. Valeu parceiro.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.