TJPB revoga prisão preventiva de advogada cajazeirense

AM3 – 250×250

O Tribunal de Justiça da Paraíba, julgou na tarde desta quinta-feira (15) o mérito do habeas corpus da advogada Catharine Rolim Nogueira e, por unanimidade, concedeu a ordem a revogação da prisão preventiva.

No dia 25 de janeiro, o desembargador Tércio Chaves de Moura, da Câmara Criminal do Tribunal de Justiça da Paraíba, concedeu habeas corpus permitindo que a advogada cumprisse prisão domiciliar, já que a mesma estava presa no 6º Batalhão de Policia Militar de Cajazeiras, acusada de envolvimento em crimes de estelionato contra clientes no sertão da Paraíba.

A prisão foi decretada pelo juiz da 1ª Vara Mista da Comarca de Cajazeiras, Francisco Thiago da Silva Rabelo com cumprimento de mandado no dia 18 de janeiro deste ano pela Polícia Civil.

COM INFORMAÇÕES DE RESENHA POLÍTIKA
ELIANE BANDEIRA

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.