Cajazeiras-PB, 11/12/2017
HOME » PARAÍBA » PAC destina R$ 12,45 bilhões para a Paraíba

PAC destina R$ 12,45 bilhões para a Paraíba

PAC-2

Entre os anos de 2011 e 2014, a Paraíba recebeu R$ 12,45 bilhões em recursos referentes à segunda etapa do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2) do governo federal.

O estado possui 1793 obras em andamento através do programa, de acordo com levantamento do site ‘Contas Abertas’ e ficou na 12ª colocação em nível nacional em empreendimentos e na 6ª colocação no Nordeste, ficando acima apenas do Rio Grande do Norte, Alagoas e Sergipe.

O programa que mais recebeu recursos do governo federal no estado é o ‘Minha Casa Minha Vida’ com R$ 3.367. 08 bilhões. Na segunda colocação, ficou o programa ‘Água e Luz Para Todos’ com R$ 1.288.62 bilhões. Na terceira colocação, ficou o setor de transportes com R$ 687,85 milhões. Em quarto lugar, ficou o ‘Cidade Melhor’ com R$ 556,95 milhões. O ‘Comunidade Cidadã’ ficou na quinta colocação com R$ 305,96 milhões. Em energia, o governo federal pretende investir até o final do ano R$ 188 milhões na Paraíba.

Entre os investimentos em transporte, o PAC 2 liberou para o estado recursos para a recuperação da pista de pouso, de táxi e para o sistema de drenagem do Aeroporto de Campina Grande e para duplicação de trechos da BR-101.

Em energia, a União destinou verbas para a geração de energia elétrica e levantamentos sobre geologia e mineração.

Para o programa ‘Cidade Melhor’, o governo federal liberou recursos para obras de saneamento básico em diversos municípios do estado, a exemplo de Areia, Cabedelo, Cajazeiras, Campina Grande, João Pessoa, Santa Rita e Sousa. Verbas para a implantação do VLT e BRTs também estão previstas no PAC 2.

O ‘Comunidade Cidadã’, que destina recursos para a construção de creches, UPAs , unidades de saúde da samília, quadras esportivas, centros de artes e esportes unificados e centros de iniciação ao esporte, também chegaram a vários municípios paraibanos.

O ‘Minha Casa Minha Vida’ investiu recursos em urbanização, construção e elaboração de planos de habitação em cidades como Patos, Cajazeiras, Monteiro e Sapé.

Já o programa ‘Água e Luz Para Todos’, foi o responsável pela viabilização da barragem de Aroeiras, pelo sistema adutor de Boqueirão, do Congo, de Nova Camará e pela irrigação dos perímetros de São Gonçalo, Sumé e Várzeas de Sousa.

BLOG DO GORDINHO

SOBRE Blog do Gordinho

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *