Nonato Bandeira: será dessa vez?

TATYANA
0 36
AM3 – 250×250

Clemildo Brunet

Este ano marca as eleições municipais em todo país. Aqui na Paraíba não poderia ser diferente. Na capital do Estado já se especula nomes de pré-candidaturas que deverão ser definidas ou homologadas pelos partidos ou coligações, nas convenções a serem realizadas no mês de junho do ano em curso.

Até o dia 14 de janeiro tinha-se como certa a pré-candidatura de Luciano Agra atual Prefeito de João Pessoa apoiado pelo Governador Ricardo Coutinho. No entanto, com a desistência deste ao posto, deu-se início a uma série de especulações de quem seria o pré-candidato que receberia o apoio do atual Governador da Paraíba. Mas, Ricardo escolheu Estelizabel Bezerra, do PSB seu partido, e ex-secretária de seu Governo para suceder Luciano Agra na Prefeitura de João Pessoa.

Entre os pretensos a suceder o Prefeito Luciano Agra surge também o nome de Nonato Bandeira, 46 anos, Jornalista, formado pela UFPB, já tendo exercido várias funções de revisor a editor geral. Fez parte da diretoria do Sindicato dos Jornalistas e foi Presidente da Associação Paraibana de Imprensa, tendo sido também o responsável pelo projeto que implantou a primeira TV Pública na Paraíba, a TV Assembleia, na gestão do hoje vice-governador Rômulo Gouvêia.

Sua militância política vem desde os tempos que frequentou a universidade nos movimentos estudantis, tendo exercido funções como diretor de Centro Acadêmico e do Diretório Central dos Estudantes. Nonato conheceu Ricardo Coutinho nos idos de 1990 e mantém até hoje uma sólida amizade com o Governador, tendo ocupado a Secretaria de Comunicação da Prefeitura de João Pessoa no primeiro mandato de Ricardo como Prefeito e no segundo como Chefe de Gabinete. Atualmente ocupa a pasta da Secretaria de Comunicação Social do Estado, tendo sido o único Secretário que acompanhou o Governador na viagem a Brasília para assistir a posse de Aguinaldo Ribeiro no Ministério das Cidades, na última segunda feira dia 06.

Apesar de não ser o pré-candidato escolhido pelo Governador para sucessão municipal de João Pessoa, Nonato Bandeira tem contado com o apoio de amigos do próprio partido do Governador e de outras agremiações partidárias aliadas a Ricardo Coutinho, resultando com isso a criação de uma frente democrática em torno de seu nome.

Em 2008 ele foi cotado para figurar como vice na chapa de Ricardo Coutinho e teve mais votos no conselho político das alianças que formavam os partidos aliados; porém, não logrou êxito na indicação final perdendo para o hoje Prefeito Luciano Agra. Nonato também poderia ter sido indicado como candidato a Vice Governador na Chapa de Ricardo Coutinho nas eleições de 2010, abdicou dessa pretensão e tornou-se o principal articulou para o estabelecimento de uma aliança com Cássio Cunha Lima do PSDB, com o fim de consolidar a vitória de Ricardo pra Governador e Cássio para o Senado.

Nos embates dessa arena política, eis que o PPS partido do qual Nonato Bandeira é filiado, surge de repente com um impasse: Outro pretenso pré-candidato pela legenda, o Deputado Estadual Janduhy Carneiro diz não apoiar Nonato e vai manter sua pré-candidatura a Prefeito da Capital. Diante do imbróglio, ninguém sabe ao certo o motivo do silêncio de Ricardo Coutinho, em não se indispor com a Frente Democrática de Nonato, talvez, quem sabe, seja a intransigência de Janduhy em ser pré-candidato do PPS ou talvez uma segunda opção para Ricardo nas eleições deste ano, caso as pesquisas favoreçam a candidatura do seu atual Secretário de Comunicação. É esperar pra ver.

Clemildo Brunet é radialista, blogueiro e colunista
brunetco@hotmail.com
www.twitter.com/clemildobrunet
http://www.facebook.com/clemildo.brunetdesa
www.clemildo-brunet.blogspot.com

ELIANE BANDEIRA

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.