Cajazeiras-PB, 11/12/2017
HOME » NOTÍCIAS » Lulu é para mulheres, mas homens devem conhecer o app

Lulu é para mulheres, mas homens devem conhecer o app

lulu-app
Ele beija bem? Mora sozinho? Tem um bom papo? É um “candidato a ficante”? É um príncipe, ou um sapo? Perguntas que rondam a cabeça das mulheres, no primeiro encontro, já podem ser respondidas sem a garota ter que se expor. Como? Pelo celular, com o Lulu.

O aplicativo – gratuito para Android e iOS, e em português – virou um fenômeno de download na lojas de aplicativos. E ele faz uma coisa que toda mulher deseja: avaliar os homens, dar notas para eles.

 

Como funciona – Seus amigos e os contatos dos seus contatos são avaliados por mulheres que os conheceram, namoraram, ficaram, ou apenas viram a foto da pessoa. Aí as meninas dão notas de zero a dez, incluem hashtags como “#Lindo”, “#NemDeGraça” ou #AiSeEuTePego. O aplicativo também ajuda a procurar por garotos de locais específicos, como os que estudam na mesma universidade que você.
Na prática – Imagine que a garota está na balada e conhece uma cara. Ela pergunta o nome dele e depois de um papo o despista, acessa o  seu smartphone e descobre se o cara é ou não “um partidão”.
Anônimo – Apesar do Login no Facebook, o Lulu mantém as avaliadoras completamente anônimas. Também não é possível saber se as notas baixas são de uma ex-namorada vingativa, por exemplo, ou se o homem em questão realmente não vale a pena.
O objetivo – O Lulu, segundo as criadoras, pretende dar às mulheres mais controle sobre a experiência do encontro e fornecer mais informações além daquelas dos perfis de redes sociais. Talvez por isso tenha virado o novo queridinho das mulheres.
Criação – O Lulu foi criado por um grupo de amigas, depois de uma noite de encontros – desastrosa – no Dia dos Namorados.
As histórias ruins sobre homens que não agradaram passaram do boca a boca para o aplicativo, após uma série de investimentos, que passaram dos 2,5 milhões de dólares, mais de 5,7 milhões de reais.
Atualmente, a empresa tem 30 funcionários e já é um sucesso no ambiente universitário de países como EUA e Inglaterra.
Homens – Nem todos os homens receberam bem a ideia – especialmente os mal-avaliados – mas existe uma saída.  É possível deletar o seu perfil no aplicativo Lulu. Via de regra, todos os usuários do Facebook do sexo masculino podem receber uma avaliação, mesmo que nunca tenham nem sequer ouvido falar a respeito do aplicativo.
Teoricamente o app não é problemático para os homens porque apenas amigas podem escrever ao seu respeito, e pelo fato de ser possível somente responder a questionários – não é possível escrever um comentário.
Mesmo assim, muitos homens não querem essa “propaganda” gratuita. Convenhamos, não é difícil imaginar algumas possíveis consequências negativas desse serviço. A solução para quem não quer participar dessa brincadeira das meninas, é “desativar” o seu perfil do serviço.
TECHMUNDO

SOBRE Christiano Moura

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *