Cajazeiras-PB, 21/10/2017

Livre matematicamente da queda, Tassiano já pensa no estadual de 2016

miramar_0_x_2_atletico_260_1

Mesmo após ser derrotado na noite desta quarta-feira por 2 a 1 para o CSP no Estádio Almeidão, o treinador do Atlético de Cajazeiras, Tassiano Gadelha, saiu feliz da capital paraibana. Tudo porque, com a derrota do Santa Cruz de Santa Rita para o Botafogo-PB no Teixeirão, o Trovão Azul respirou aliviado do fantasma do rebaixamento. E, diante dessa situação, o comandante atleticano declarou que essa é a hora de sentar com sua diretoria para encontrar os erros dessa temporada para que eles não se repitam em 2016.

– Infelizmente isso foi reflexo do campeonato. Mas hoje nós fomos beneficiados pela derrota do Santa Cruz que ainda vai jogar contra Lucena na próxima rodada e um do dois vai brigar para ver quem vai cair. Por isso, agora é sentar com a diretoria, achar os erros e reavaliar um novo projeto para o ano que vem – declarou.

Mas apesar do treinador sertanejo comemorar a permanência na elite do futebol estadual, ainda existe a possibilidade do Atlético perder pontos e cair de divisão, caso a denúncia feita pela direção do Tubarão do Norte, seja verdadeira. Na última semana, o presidente do Lucena, Domício Leite, entrou com uma ação no Tribunal de Justiça Desportiva da Paraíba acusando o Trovão de ter escalado três atletas que estavam irregulares, que são o lateral Marquelino, o zagueiro Alisson e o volante Fabinho Vitória, e o clube pode perder até 14 pontos.

GLOBOESPORTE.COM

SOBRE Globo Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *