Cajazeiras-PB, 19/10/2017

Léo Abreu renuncia e Carlos Rafael é o novo prefeito de Cajazeiras

leo abreu

O prefeito de Cajazeiras Léo Abreu (PSB) renunciou ao mandato nesta segunda-feira (17) alegando foro íntimo. No final da tarde os vereadores da cidade foram convocados em caráter de urgência para comparecerem à Câmara e ao chegar à Casa o presidente Marcos Barros se deparou com uma solicitação de renúncia.

Em sua carta-renúncia o prefeito afirmou apenas que a desistência da vida pública deu-se por questões de foro íntimo. “Entrego, de acordo com o parágrafo 4ª da Lei Orgânica Municipal, o cargo ao vice-prefeito Carlo Rafael”, disse na carta.

No documento Léo diz que governou com o melhor dos propósitos e pediu perdão à população de Cajazeiras por algo que tenha feito que não agradou ou algo que deixou de fazer. Agradeceu, ainda, aos eleitores pela oportunidade de poder servir e finalizou pedindo que os vereadores descem as condições necessárias e apoio ao novo prefeito.

Após a leitura da carta-renúncia o presidente da Câmara, Marcos Barros, declarou vago o cargo de prefeito e convocou o vice-prefeito, Carlos Rafael, para tomar posse.

Foi aberta uma sessão especial para dar posse ao novo prefeito de Cajazeiras e o presidente da Câmara de Vereadores de Cajazeiras, Marcos Barros, informou que foi convocado em caráter de urgência para comparecer ao Legislativo Municipal. Ao chegar na Casa encontrou uma solicitação de renúncia e neste momento dá posse ao vice-prefeito Carlos Rafael Medeiros de Souza (PTB).

Marcos Barros foi o responsável pela leitura da carta-renúncia do prefeito Léo Abreu, onde ele fez uma prestação de contas de sua administração e relatou todas as obras realizadas.

Léo Abreu

Leonid de Sousa Abreu, comumente conhecido por Léo Abreu é médico, filiado ao Partido Socialista Brasileiro (PSB). Primogênito do ex-prefeito e atual deputado estadual, Vituriano de Abreu e da Dra. Fatima Abreu. Casou-se em 2003 com a cajazeirense Jaqueline Braga. Ingressou na política em 2004, como candidato a prefeito, entretanto não foi eleito, pelo Partido Progressista ( PP ), obtendo 13.312 sufrágios, sem êxito. Em 2008, foi eleito prefeito de Cajazeiras em 2008, com 52% dos votos válidos, contra 47% do adversário, Marinho, do DEM .

CARLOS-RAFAEL500
Carlos Rafael: “vamos fazer um governo de trabalho”

O novo prefeito de Cajazeiras, Carlos Rafael (PTB), propôs durante seu discurso de posse realizado na noite desta segunda-feira (16) na Câmara de vereadores de Cajazeiras uma união entre os políticos locais para fortalecer a administração municipal. O prefeito também aproveitou o momento para cobrar empenho e muito trabalho da sua equipe de governo.

“Vamos fazer um governo de trabalho. Quero pedir aqui a todos que compõem a administração municipal muito trabalho para correspondermos ao que espera a população. Não poderia deixar de pedir também a colaboração de todos os políticos em uma grande união pelo fortalecimento da nossa cidade”, frisou o prefeito.

Na ocasião, Carlos Rafael disse ainda que a primeira determinação é de proibir a antecipação da discussão das eleições 2012 no governo. “O momento agora é de trabalho e não vou permitir que fiquem antecipando as eleições”, disse.

Já no final do discurso o novo prefeito disse que entra para história como o prefeito mais jovem que a cidade já teve e quer entrar também para história como o prefeito que mais trabalhou em prol da população. “Vou trabalhar para isso”, finalizou.
COM INFORMAÇÕES DO POLÍTICAPB

SOBRE Christiano Moura

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *