Cajazeiras-PB, 12/12/2017
HOME » POLÍTICA » Jeová Campos afirma que oposição precisa mudar ‘cantilena’ quando se refere à Educação da PB

Jeová Campos afirma que oposição precisa mudar ‘cantilena’ quando se refere à Educação da PB

“A oposição deve estar morando noutra Paraíba e não na Paraíba que eu ando. Ela precisa mudar o discurso que se atém ao fechamento de escolas e se propor a debater política educacional e não questões menores como beijo na boca de estudantes do mesmo sexo”, disse o deputado estadual Jeová Campos (PSB), durante um aparte na sessão desta terça-feira (10), na ALPB. O parlamentar saiu em defesa do trabalho da equipe da Secretaria Estadual de Educação após alguns deputados da oposição se colocarem contra o requerimento 7.249/2017, de autoria de Hervázio Bezerra, que propunha um Voto de Aplauso ao Governo do Estado por conceder reajustes aos professores em seus proventos.

 

“A equipe da Educação tem feito um trabalho extraordinário no sentido de, de fato, desenvolver e fazer funcionar na Paraíba um modelo educacional sem precedentes, com destaque para o ensino técnico profissionalizante e dá um prazer de ver que nos quatro cantos da Paraíba foram e continuam sendo construídas escolas técnicas que vão formar os nossos jovens e abrir horizontes para prepará-los para o mercado de trabalho e que a Educação é conduzida com muita responsabilidade e competência”, disse o parlamentar.

Para Jeová, ao invés da oposição resumir seu discurso à extinção de escolas, ela deveria se render aos fatos e reorientar suas falas. “Efetivamente, a Educação no Estado da Paraíba está sendo cuidada com zelo e determinação e sob a orientação do governador, a equipe técnica da Pasta está de parabéns, desde o secretário, Alessio Trindade, passando pelo secretário executivo, Artur, pela capacidade técnica do professor Américo Falcone, enfim, a essa equipe eu rendo minhas congratulações”, finalizou o parlamentar.

SOBRE News Comunicação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *