Greve na UFCG deixa mais de dois mil alunos sem aula no campus de Cajazeiras

181

UFCG-2

A greve nas universidades públicas continua sem solução, e deixando milhares de estudantes fora das salas de aula. Em Cajazeiras, o Campus da UFCG está com suas atividades paralisadas desde o dia 08 de junho, com os professores seguindo decisão nacional da categoria, que reivindica melhores salários e melhores condições de ensino.

A greve dos 185 docentes do Campus local, que está perto de completar dois meses, deixou 2.435 estudantes sem aula. São 380 alunos do nível médio e 2.055 dos cursos universitários. As últimas informações são de continuidade do movimento por tempo indeterminado, pois não houve maiores avanços nas negociações entre o governo federal e os representantes dos grevistas.

A categoria reivindica política salarial permanente, com correção das distorções e reposição das perdas inflacionárias; índice linear de 27,3%; data-base em primeiro de maio; paridade salarial entre ativos e aposentados; combate a todas as formas de privatização e redução da jornada de trabalho para o máximo de trinta horas para o serviço público, sem redução salarial.

GAZETA DO ALTO PIRANHAS

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.