Cajazeiras-PB, 24/10/2017

Dia dos Pais

Hoje com certeza chorarei, mas andarei por léguas sem fim para encontrar no passado os doces momentos dos dias dos pais, na casa de meu pai.

Era um cenário de alegria e abraços, pois a confraternização rodava horas sem fim, e meus pais alvos desta imensa beleza faziam com que o nosso coração ainda guarde os sonhos de um passado que tento transformar em real.
Honra teu pai desde a juventude até a velhice, e os céus abençoarão os campos férteis de tua vida, dando-te a luminosidade para os teus passos e grandeza em tuas esperanças.

Entenda que teu pai é sonho do teu sonho, a voz que de forma amorosa é capaz de acalmar tempestades, a mão suave que embala as tuas incertezas e te defende nas quedas.

O teu pai é sol constante para amenizar as escuridões da vida, brisa suave que massageia o teu ego, lenço das tuas lágrimas e se transforma em perdão diante de teus erros.

O teu pai é benção divina, conselho diário, alegria de cada momento, pois com sua maneira simples é capaz de transformar-se em Deus na sua forma finita, apenas para engrandecer tua felicidade.

O teu pai é alegria frente a teus atos, cheiro que encanta manta que agasalha diante dos frios do medo, que o mundo pela sua grandiosidade é capaz de impor.

O teu pai é jardim florido de paciência, oratório dos teus instantes de sofrimento, balsa capaz de te levar para o outro lado da tempestade sem a necessidade de outra proteção.

O teu pai é esperança dos teus passos, que com a força do seu amor faz secar os espinhos da maldade que te persegue, e fazer surgir à flor da bondade.

O teu pai é a melhor terapêutica para tuas constantes travessuras, molda a vida para mostrar que as esperanças nascem de um coração aberto para com o próximo.

O teu pai é capaz de absorver todos os teus pecados, e postar diante de ti num gesto simbólico como se fosse o pecador e como um Deus na forma de homem te acolher.

O teu pai é grandeza de uma brilhante alma; é tempo que em dado momento vai embora e a saudade das saudades incrustará em teu coração de maneira indelével.

Teu pai se comporta como anjo celestial a guiar a tua estrada, canções simples de tua caminhada, força e ponto de apoio às tormentas de um longo cotidiano.

Ama teu pai, cuide-o com carinho para que amanhã não te seja tenebroso, e quando olhares o tempo haverás de não encontrar o tempo, e a solidão te será companhia. 

SOBRE RAFAEL HOLANDA

RAFAEL HOLANDA
Médico e escritor. Reside em Campina Grande-PB.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *