Cajazeiras-PB, 19/11/2017
HOME » ECONOMIA & NEGÓCIOS » Crise continua e Cajazeiras tem saldo negativo de empregos no trimestre

Crise continua e Cajazeiras tem saldo negativo de empregos no trimestre

A crise continua afetando o emprego na cidade de Cajazeiras, contrariando uma tendência nacional que tem sido a recuperação do emprego formal, mesmo que de forma ainda muito tímida.

A tendência em Cajazeiras continua de aumento do desemprego, de acordo com o Caged, do Ministério do Trabalho. No mês de agosto, foram admitidos no município 115 trabalhadores e dispensados 144, um saldo negativo de 29 empregos.

 

Por sua vez, no último levantamento trimestral (junho, julho e agosto) em Cajazeiras, foram contratados 342 trabalhadores e demitidos 391, um saldo negativo de 49 empregos.

Nesse mesmo período, o setor que mais perdeu postos de trabalho foi o de serviços. Foram empregados 83 trabalhadores e dispensados 108, um saldo negativo de 24 empregos.

 

Já o setor da construção civil também registrou saldo negativo. Foram admitidos, no trimestre, 42 funcionários e dispensados 55, um saldo negativo de 13 postos de trabalho.

Por sua vez, o setor do comércio apresentou o melhor desempenho, demonstrando um equilíbrio entre demissões e contratações. No trimestre, o setor admitiu 175 trabalhadores e demitiu 172, gerando um saldo positivo de 3 empregos.

SOBRE Gazeta do Alto Piranhas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *