Cajazeiras-PB, 20/10/2017

Cagepa diz que abastecimento de Cajazeiras está assegurado até 2017

BoqueirAOOO_800x600

Apesar da situação crítica dos principais reservatórios do Estado e do número de cidades paraibanas que estão enfrentando rodízio, racionamento ou colapso de água ter aumentado, o diretor de Operações da Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa), José Mota Victor, tem procurado passar um discurso tranquilizador acerca do assunto, afirmando que a situação está sob controle pelo menos pelos próximos dois anos.

Segundo ele, mesmo que não chova, as grandes cidades como João Pessoa, Guarabira, Campina Grande, Patos e Cajazeiras estão asseguradas até 2017, enquanto que as pequenas continuarão sendo abastecidas através de carros-pipa.

“Nessas cidades maiores não vai acontecer o que aconteceu em São Paulo, pois estamos monitorando mensalmente a situação dos sistemas”, explicou o diretor.

Sessenta dos 218 sistemas de abastecimento de água do Estado estão com problemas. Com isso, a Paraíba já tem 57 cidades e 14 distritos em iminência de rodízio de abastecimento, em racionamento ou colapso. Entre eles, Campina Grande e mais sete cidades se preparam para entrar nesse calendário a partir do dia 6 de dezembro.

José Mota Victor ressaltou que, apesar do planejamento da Cagepa, a conscientização da população é essencial para evitar mais racionamento. “O que a população tem que fazer é a parte dela, pois nós estamos fazendo a nossa. A Cagepa está retirando os vazamentos e as ligações clandestinas, e existe toda uma estratégia para diminuir a perda de água”.

 

EXATAS NEWS

SOBRE Exatas News

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *