Cajazeiras-PB, 23/09/2017

Trabalhadores sertanejos partem para o corte de cana em SP

CORTE 02_550x365

Pelo menos 3 mil cortadores de cana-de-açúcar começaram a deixar a microrregião de Cajazeiras nesta sexta-feira (02), rumo a cidades do interior de São Paulo onde vão trabalhar na colheita da matéria prima. Nesta sexta-feira ao menos sete ônibus embarcaram com trabalhadores de Conceição, Bonito de Santa Fé, Cajazeiras, São José de Piranhas, Monte  Horebe e Barro-CE. Esses trabalhadores serão os primeiros a desembarcar para o trabalho da colheita da cana este ano em São Paulo.

O Radar Sertanejo flagrou o clima de despedida entre trabalhadores e familiares  na subida da porta do ônibus.  Durante a despedida não faltaram emoção e choro. O estudante Zé Augusto, de 23 anos, estava com olhos rasos d’ água e disse que sempre quis estudar, fez até a 8ª série, mas como tem de ganhar algum dinheiro resolveu trocar  os livros pelo facão.

O agricultor, Avelino de Massau, 51 anos, subiu a porta dos ônibus sob os olhares da esposa e cinco filhos que ficaram para trás.

Os cortadores de cana passam em média oito meses em São Paulo. O retorno deles será no final de  dezembro deste ano. Devido a ausência de chuvas, este ano a colheita da cana-de-açúcar em São Paulo tardou e comprometeu parte da safra 2014.

RADAR SERTANEJO

SOBRE Christiano Moura

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *