Cajazeiras-PB, 22/10/2017

[RAFAEL HOLANDA] O homem bom

O homem bom não se constrói em fábricas, e nem se acha com a facilidade pelas estreitas vias da vida, o homem bom se faz de sua paz e cresce na paz do Senhor.

O homem bom age de acordo com o bem segue sempre o lema da verdade, sem pensar um só momento em dizer às mentiras que cada um é acostumado.

O homem bom pela sua maneira de agir atua como pai e mãe nos momentos mais difíceis da vida, mostrando a beleza do corpo e a majestade da alma.

O Homem bom é solicito capaz de adivinhar pensamentos reter lágrimas, aliviar dores consolar momentos de terror e fazer de pequenos instantes, berço de aconchego.

O homem bom é ávido transbordado de luz e de carinho, é o sol que sempre brilha nas tormentas, pelo seu poder se transforma em graça especial e se define como fé na esperança dos que sofrem.

O homem bom é segurança constante é perfume que suaviza a brisa quente das derrotas sofridas, é a força maior que tem o poder de esmagar a falsidade com os pés.

O homem bom é ternura é porta para o desconhecido e abrigo para o sofrido, ele é a confiança que não perturba, não desfalca e nem aterroriza.

O homem bom é sonho de justo, obra de Deus é humilde, pois tem a modéstia da alma para ser antídoto do orgulho.

O homem bom é a soma de todos os amores é o puro que se mantém de pé, é o que prima como qualidade de vida o respeito à família, como a fonte maior de sua passagem.

O homem bom é imagem e semelhança do Senhor, façamos o possível para chegarmos a ser pelo menos semelhante, pois a bondade por nossa ruindade a globalização já engoliu.

O homem bom não encontra momentos de desespero, mesmo diante de tormentas que surgem de forma repentina, com a finalidade a destruição de sua integridade.

O homem bom desfaz as armadilhas que surgem em cada curva de uma estrada, e com seu coração integro é capaz de deixar um aviso para que outros não venham sofrer estas surpresas.

Nada faz com que o homem que vive num universo de alegria venha perder a beleza do seu dia, diante de coisas que apenas,tentam reduzir a sua sagacidade de seguir em frente.

Na vida um turbilhão de coisas pode acabar com esperanças de tantos, mas se alguém tiver a fé e crença necessária, esta se fará barreira com a finalidade básica de impedir estas coisas.

Não há no mundo uma forma melhor de viver a vida, se tiver a vontade de viver, não há quem force o caminhar de alguém, se suas pernas já não suportam com o peso do seu corpo.

O bom homem é capaz de enxergar a distância coisas que muitos tentam visualizar e não conseguem, pois os seus olhos enxergam pelo coração, e sua mente se derrete em bondades.

bondade-1030x579

SOBRE RAFAEL HOLANDA

RAFAEL HOLANDA
Médico e escritor. Reside em Campina Grande-PB.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *