Prefeito de Triunfo é empossado depois da cidade passar nove dias sem comando


O prefeito da cidade sertaneja de Triunfo, Zé Mangueira (PTB), finalmente tomou posse ontem (9), depois de quase dez dias de impasse.

O moído lá começou logo depois que os vereadores da base do prefeito perderam o prazo para inscrever a chapa para eleição da mesa diretora.

Após a eleição de outubro, houve uma mudança regimental, aprovada pelos parlamentares, mas só os opositores ficaram atentos à mudança e só eles apresentaram os nomes.

No dia primeiro de janeiro, quando deveria ocorrer a posse, o prefeito e cinco vereadores da base faltaram à sessão, alegando que não aceitavam ser comandados pela oposição, sem terem participado da disputa da mesa.

Zé Mangueira até conseguiu ser empossado pelos cinco aliados numa sessão realizada fora da Câmara, num Centro de Assistência Social da cidade.

Mas a juíza da Comarca de Cajazeiras, Adriana Lins, anulou a posse com base no Regimento Interno da Casa, que diz que sessões dessa natureza precisam acontecer nas dependências da Câmara para não perder a validade.

A magistrada também decidiu que o vereador mais votado, José Fagner Lisboa, deveria assumir provisoriamente a presidência, convocando a eleição da mesa diretora, mesmo com uma única chapa inscrita; e, em seguida, que o grupo dê posse ao prefeito e ao vice.

Regimento

De acordo com o presidente interino da Casa foram realizadas oito sessões para tentar da posse aos eleitos e, de acordo com ele, o Regimento Interno registra que devem ser realizadas, no máximo, 10 sessões consecutivas para este tipo de ato, com possibilidade de se convocar novas eleições, caso o prazo seja extrapolado.

Nesta segunda-feira(9) à noite, o prefeito se rendeu ao erro cometido pelos vereadores da base e foi empossado junto com vice. O único problema é que, agora, vai ter que conviver com um presidente da oposição, mesmo tendo maioria. Tudo por causa de uma falta de atenção de sua base. Vai ter que aguentar pelo menos os próximos dois anos.

BLOG DO LAERTE CERQUEIRA

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *