Polícia Civil desarticula quadrilha que furtou lojas no Calçadão, em Cajazeiras


A Polícia Civil, através do Grupo Tático Especial de Cajazeiras e Solânea, desencadeou a Operação Vitrine, com o intuito de desarticular uma quadrilha especializada em furtos a joalheiras, lojas de confecções e lojas de eletrônicos com atuação em vários estados do Nordeste.

Esta quadrilha é remanescente do mesmo grupo criminoso que foi responsável por um furto milionário do Estado do Pará, onde tinha como líder da quadrilha a pessoa de Marilene Vieira do Nascimento, vulgo “Negão”. Recentemente, algumas cidades da Paraíba, precisamente Cajazeiras e região, foram alvos da ação deste bando criminoso.

Geralmente, os integrantes escolhiam suas presas se valendo dos produtos expostos nas vitrines das lojas. Eles atuavam na calada da noite de modo a dificultar a ação policial, assim como também a linha de investigação.

A quadrilha em uma de suas últimas ações teve como alvo, várias lojas da cidade de Cajazeiras e que um dos carros usados nos delitos, foi um VW/Voyage, de cor branca. A Polícia Civil de Cajazeiras vinha catalogando algumas imagens das ações e compartilhando com outras esferas policiais com o intuito de identificar os acusados. Fato que foi confirmado quando foi feito a comparação de uma foto de um dos criminosos, a pessoa de Cleber Jemerson Vieirado Nascimento, o “Fofão”, uma vez identificado o principal suspeito, foi possível chegar a sua esposa Jéssica e sua cunhada Andreza, além de genitora do primeiro, como sendo a proprietária do veículo utilizado nos crimes.

Na quarta-feira (07), foram dados vários cumprimentos de Mandato de Busca e Apreensão e Prisão contra os acusados nas cidades de Campina Grande e Baía da Traição.

Nos locais, foram encontrados diversos produtos oriundos das ações delituosas, muitos desses produtos ainda estão com as etiquetas das lojas furtadas.

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *