Número de mortes violentas subiu 36% em 14 anos na Paraíba, diz IBGE


vitima

Subiu em 36,7% o número de vítimas de mortes violentas – acidentes de trânsito, afogamentos, suicídios, homicídios, quedas acidentais – na Paraíba nos últimos 14 anos. Enquanto em 2002 foram registradas 1.854 mortes, em 2015 esse índice saltou para 2.535 – o ano com maior quantidade de ocorrências. Ao todo, de acordo com dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad), do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 25.987 pessoas morreram no ano passado por diversas causas, 23.162 delas foram por morte natural e outras 290 por motivos ignorados.

Segundo apuração do Correio Online, de 2002 até 2015, 32.298 paraibanos morreram vítimas de algum tipo de violência. E a faixa etária com maior incidência desse tipo de morte é de 15 a 34 anos. Mas o maior índice fica mesmo entre pessoas dos 20 aos 24 anos, faixa em que morreram 4.868 (15%) nesses 14 anos. No ano passado foram registradas 1.344 mortes violentas entre paraibanos dos 15 aos 34 anos.

O número de mortes por causas naturais também subiu nos 14 anos que envolvem a pesquisa. Saltou de 19.982, em 2002, para 23.162, em 2015. Um aumento de 16%. No ano passado, a faixa etária com maior número de mortes naturais foi dos 85 anos ou mais. A razão, segundo o IBGE, é o envelhecimento da população.

Previous Estudantes criam aplicativo que move cadeira de rodas
Next Chica Dente de Ouro e o engenho

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *