Governador inaugura Aeroporto e Escola Técnica de Cajazeiras


ricardo-entrega-aeroporto-cajazeiras_foto-jose-marques-6

O governador Ricardo Coutinho inaugurou, nesta segunda-feira (28), duas obras que beneficiam os moradores da região de Cajazeiras: o Aeroporto Pedro Vieira Moreira e a Escola Estadual Cidadã Integral Técnica Nicéa Claudino Pinheiro. As obras, que representam um investimento de mais de 19 milhões, fazem parte de uma série de inaugurações programadas pelo Governo do Estado para este fim de ano.

O Aeroporto recebeu investimentos de R$ 5,2 milhões com recursos próprios e vai atender a demanda de uma população de 180 mil habitantes da região, formada por 15 municípios. Deputados, auxiliares do Governo e lideranças da região também participaram da solenidade.

O local passou por terraplenagem em cortes e aterros, desmonte de rochas, pavimentação asfáltica da pista de pouso e decolagem, sinalização, sistema de drenagem, entre outros serviços.

ricardo-inaugura-escola-tec-cajazeiras_foto-jose-marques-3

Escola Técnica – A Escola Estadual Cidadã Integral Técnica Nicéa Claudino Pereira recebeu um investimento de quase R$ 14 milhões na estrutura física e aquisição de equipamentos. A unidade tem capacidade para atender cerca de 500 estudantes e vai oferecer, inicialmente, 180 vagas para os cursos de Técnico em Vestuário e Técnico em Informática.

“O ensino profissionalizante teve um grande avanço nesta gestão, precisamos fazer com que os jovens tenham mais atrativos no ensino médio e possam aprender uma profissão. Aqui oferecemos dois cursos que têm relação com as necessidades da região, informática e vestuário. Mais do que uma bela estrutura, esta escola tem os melhores equipamentos e professores qualificados. Já fizemos mais de 2000 salas de aula pela Paraíba em seis anos e este ginásio é o de número 80 que entregamos. A cada ano estamos avançando e melhorando a qualidade da rede estadual de ensino”, ressaltou Ricardo Coutinho.

A Escola Técnica de Cajazeiras possui 12 salas de aula, diretoria, recepção, almoxarifado, sala para equipamentos esportivos, cozinha, coordenação pedagógica, biblioteca, sala multimídia, auditório com capacidade para 201 lugares, sala técnica, quadra Poliesportiva coberta com vestiários masculino e feminino, cantina, grêmio, área de vivência com palco descoberto, bateria de sanitários, laboratórios de informática, línguas, matemática, entre outras dependências.

A prefeita de Cajazeiras, Denise Albuquerque, por sua vez, enfatizou a parceria do município com o Governo do Estado ao longo dos últimos anos. “O governador vem investindo muito em obras na nossa cidade e considero esta Escola Técnica primordial porque representa o futuro dos jovens. A estrutura está fantástica e vai oferecer oportunidades de profissionalização para os estudantes. Agradeço também pela entrega oficial do Aeroporto, outra importante obra para o desenvolvimento de Cajazeiras”, observou.

O neto da homenageada, Rodrigo Pinheiro, falou sobre a trajetória da professora Nicéa Claudino na área da educação e agradeceu pela lembrança do Governo do Estado. “Hoje Cajazeiras está grata por ganhar esta linda escola que recebe o nome da professora Nicéa Claudino, uma grande mulher que tanto se dedicou a transmitir conhecimentos. Educar foi sua missão. A família está agradecida por esta merecida homenagem”, disse.

Previous Jovem de 18 anos comete suicídio por enforcamento em Cajazeiras
Next Centro Cultural Zé do Norte apresenta 'O Adeus a Madame Shirley'

4 Comments

  1. FÁBIO DANTAS
    28/11/2016

    Essa inauguração é uma piada, não inauguraram aeroporto mas sim, aeródromo, são coisas distintas, sou piloto comercial e consultando os dados do aeródromo de Cajazeiras, vi que consta código SJZA, para ser aeroporto o código deve ter a B como segunda letra. EX.: João Pessoa SBJP, Campina Grande SBKG, Congonhas SBSP, Natal SBSG portanto, não é aeroporto. Há várias restrições técnicas que levaram a ANAC a não homologar como aeroporto. No site da Força Aérea Brasileira http://www.aisweb.mil.br conta que no aeródromo Pedro Moreira, está proibida operação de aeronaves a jato, bem como aeronaves com peso superior a 12 toneladas, um Boeing 737, menor avião operado pela Gol, pesa vazio, vejam bem, vazio aproximadamente 41 toneladas. Consta que a pista possui média resistência para suportar peso das aeronaves e baixa resistência para suportar pressão dos pneus de aeronaves a jato. Mesmo que alguma empresa aérea quisesse muito operar no Pedro Moreira SJZA, não seria possível pelo simples fato da pista suportar apenas vulgo teco teco e consequentemente a ANAC não autorizaria. Possivelmente esses mesmos políticos irão dizer em alto e bom tom que as empresas aéreas não demonstraram interesse e que eles fizeram sua parte.

    Infelizmente Cajazeiras não tem aeroporto, e nas atuais condições não haverá voos comerciais.

    Caso alguém queira entrar em contato para tirar alguma dúvida segue meu e-mail:

    cmtedantas@bol.com.br

    Dantas

  2. Roberval Moreira
    29/11/2016

    O Governador Ricardo Coutinho esta fazendo por Cajazeiras e o alto sertão dobro que todos os governadores que já passaram juntos, Parabéns Ricardo Coutinho, O senador Raimundo é um grande senador que também vem fazendo um excelente trabalho no senado federal em prol de todo sertanejo e de toda Paraiba.

  3. FÁBIO DANTAS
    30/11/2016

    Caro Roberval, não se defender ou falar mal de político A ou B, informe-se, acesse os sites das autoridades aeronáuticas e conheça a verdade.

  4. FÁBIO DANTAS
    30/11/2016

    A coisa funciona assim: todo aeroporto é um aeródromo mas, nem todo aeródromo é aeroporto. Para ser aeroporto, o aeródromo obrigatoriamente de possuir além de condições técnicas adequadas para operações companhias de linhas aéreas, deve obrigatoriamente ter FACILIDADES, isso mesmo facilidades, termo aeronáutico que define aeroporto. O que são essas facilidades ? Terminal de embarque e desembarque de passageiros e cargas, área de movimentação de bagagens, área de empresas a de apoio à operações aéreas, saguão, estacionamentos, torre de comunicação aeronáutica, serviço de combate a incêndio, administração aeroportuária e etc. Veja, a ANAC não homologou o aeródromo de Cajazeiras como aeroporto porquê nem mesmo a pista suporta aeronaves de médio e grande porte, consta no site da ANAC e FAB que é proibida a operação de aeronaves a jato no aeródromo SJZA Cajazeiras, a pista tem PCN 6 ( suporta apenas 12 toneladas ) a classificação de resistência dos pneus é muito baixa, está Constant o classificação Y, portanto se a intenção fosse um dia ter aeroporto em Cajazeiras, deveriam ter construído uma pista adequada pelo menos. Neste caso a solução para resolver essa questão seria a reconstrução de uma pista nova (não é recapeamento da pista existente). O Castro Pinto SBJP é aeroporto pois, além de ter FACILIDADES, a pista suporta aviões comerciais e o código do aeroporto tem a letra B na segunda posição após o S inicial, todo aeroporto obrigatoriamente deve ter B no seu código de homologação. Ex.: Campina Grande SBKG, Congonhas SBSP, Natal SBSG e assim por diante, a Paraíba tem somente dois aeroportos, JP e CG, o restante são simples aeródromos como Brejo das freiras SICA, Sousa SNQD. Se alguém tiver dúvidas sobre o que estou falando é só consultar a ANAC, ninguém melhor que ela para dar informações aeronáuticas.

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *