Cajazeiras-PB, 22/10/2017

Festival de Cinema de Sousa divulga relação dos filmes selecionados

festissauro-logomarca

A coordenação do I FESTISSAURO – Festival de Audiovisual do Vale dos Dinossauros, divulgou na noite de ontem, segunda-feira (12/05) a relação dos filmes selecionados para as mostras competitivas de curta-metragem nacional estadual e sertão.

De acordo com os organizadores, nesta primeira edição, o Festival recebeu ainscrição de 71 filmes, dos quais 46 foram selecionados para as três mostra competitivas: MOSTRA “RIO DO PEIXE” DE CURTA-METRAGEM SERTANEJO – 17 filmes; MOSTRA “RASTRO DO BOI E DA EMA” DE CURTA-METRAGEM PARAIBANO – 17 filmes; e MOSTRA “PASSAGEM DAS PEDRAS” DE CURTA – METRAGEM NACIONAL – 12 filmes.(confira a relação completa no blog www.festissauro.blogspot.com.br)

Além das mostras competitivas,o Festival de cinema abre espaço para MOSTRA “VELHO DO RIO” de filmes convidados, onde na oportunidade, serão exibidos 4 filmes de longas-metragens, sendo 3 deles produzidos na Paraíba e 1 em São Paulo.

Outro ponto alto do FESTISSAURO será a homenagem ao cineasta paraibano Vladimir de Carvalho, com a exibição do Filme “País de São Saruê”. O Cineasta também será homenageado pela Câmara Municipal de Sousa com a comenda Governador Antônio Mariz.

A programação do festival, que será divulgada ainda esta semana e realizada no Campus da UFCG, centro de Sousa, também será composta delançamento de livros e filmes, oficinas, workshops, homenagens,debates e premiação vencedores das mostras competitivas.

 

O que é o FESTISSAURO

O I FESTISAURO – Festival de Audiovisual do Vale dos Dinossauros, é uma realização da M2 PRODUÇÕES e nasce em plena efervescência da produção e difusão do audiovisual no sertão do Estado. Essa efervescência se deve, principalmente, as atividades realizadas pelos Pontos de Cultura, Cineclubes, Centro Cultural Banco do Nordeste, entre outros, que vem propiciando realização de cursos, exibições itinerantes, produção de filmes e, consequentemente, o surgimento de diversos realizadores e difusores do audiovisual nesta região.

PERÍODO LOCAL DE REALIZAÇÃO

O I FESTISSAURO, será realizado no perído de 26 a 30 de maio de 2014, no auditório da UFCG, Centro de Sousa,

MISSÃO

O FESTISSAURO consiste na difusão e exibição de curtas-metragens, locais, regionais nacionais e internacionais. A proposta é abrir um espaço para divulgação e democratização do cinema na Paraíba, visando socializar e aumentar a produção local. O evento que congregará realizadores, produtores, estudiosos e espectadores do segmento audiovisual do sertão paraibano, de outras regiões do Estado e do Brasil.

Além de Reunir, exibir, difundir, capacitar, premiar, homenagear e, principalmente, debater com esses realizadores e representantes governamentais as políticas publicas para o setor do audiovisual. O FESTISAURO também será um instrumento de divulgação do nosso MOMUMENTO NATATURAL E TURÍSTICO DO VALE DOS DINOSSAUROS.

 

CONFIRA A RELAÇÃO DOS FILMESSELECIONADOS PARA AS TRÊS MOSTRA COMPETITIVAS

Mostra competitiva “RIO DO PEIXE” de curta-metragem Sertanejo –
ACANS CALON – Direção: Maira Barbosa (Sousa)
A FURNA – Direção: J. França (São Bentinho)
ANTONINHA – Direção: Laercio Ferreira (Aparecida)
CASA DA SAUDADE – Direção: Zuila Frutuoso e David Duarte (Sousa)
CICLO DE SANGUE – Direção: Eudismar Guedes (Cajazeiras)
FOGO PAGOU – Direção: Ramon Batista (Nazarezinho)
NA CABEÇA DO POVO – Direção: Helena M. Pereira (Nazarezinho)
NEGRO DOS 40 – Direção: JanduyAcendio (Cajazeiras)
O DIA QUE A TRISTEZA DISSE ADEUS – Direção: Joely Queiroz (Aparecida)
O HOMEM E A SERRA – Direção: Luiz Cacau (Vierópolis)
O ROMANCE DE SANTA ÍRIA – Direção: Nivaldo Amador (São João do Rio do Peixe )
O VENDEDOR DE COISAS – Direção: Deleon Souto (Patos)
SER TÃO BRASILEIRO – Direção: Rômulo Medeiros e Vieira Neto (Pedra Branca)
SOPHIA – Direção: KennelRógis (Coremas)
UM HERÓI DA EDUCAÇÃO – Direção: Adriana Ana (Sousa)
UM HOMEM DE BORRACHA – Direção: Diassis Pires (Coremas)
UM REINO CHAMADO SERTÃO – Direção: Helder Dantas (Cachoeira dos Índios)

 

Mostra competitiva RASTRO DO BOI E DA EMA de curta-metragem Paraibano – Selecionados:

A ALMA DAS RUAS – Direção: Jaime Guimarães (Campina Grande)

AMADOR – Direção: Natan Cirino (Campina Grande)

ANTEPASSADOS LUNARES – Direção: Manaséis Diego (João Pessoa)

A POEIRA DOS PEQUENOS SEGREDOS – Direção: Bertrand Lira (João Pessoa)

ATO INSTITUCIONAL – Direção: Helton Paulino(Campina Grande)

CANCHA – ANTIGAMENTE RA MAIS MODERNO – Direção: Luciano Mariz(Campina Grande)

CONTÍNUO – Direção: Odécio Antônio e Carlos Ebert/ João Pessoa-PB

ESPECTRAL – Direção: Bruno Vinelli e Jailsom Barros (João Pessoa)

FELIZ ANIVERSÁRIO – Direção: Carlos Mosca (Campina Grande)

INOMINÁVEL – Direção: Felipe Lovarato(Campina Grande)

O OLHAR DE ZEZITA – Direção: Marcicleide Ramos (João Pessoa)

O SOM DO ABOIO – Direção: Adriano Roberto (São José dos Ramos)

PEDRO AMÉRICO Direção: Alunos da Escola Estadual Antônio T .de Azevedo Maia (Areia)

PÉTALA – Direção: Sandro Régio e Gladson Galego (João Pessoa)

PLATÔ – Direção: Kleyton Canuto (Campina Grande)

RICARDO, UM GRANDE HOMEM – Direção: Marcelo Cardins (Campina Grande)

VASTO MUNDO – Direção: Glauco Souza(Santa Rita)

 

Mostra competitiva “PASSAGEM DAS PEDRAS” de curta-metragem nacional

ABRAÇO DE MARÉ – Direção: Victor Cirianco (Natal-RN)
AMARELINHA – Direção: Rafael Jardim (Salvador-BA)
BOLOU – Direção: Rodrigo Sena (Natal-RN)
ESAÚ, O CONTADOR DE HISTÓRIAS – Direção: André Dias (Fortaleza –CE)
HOOJI – Direção: Marcelo Quintella e Boynard (Rio de Janeiro – RJ)
MUITAS LÉGUAS – Direção: Wigna Ribeiro (Mossoró-RN)
O PERDÃO – Direção: Ricardo Rodrigues e Victor Graciano (São João do MIiriti-RJ)
O QUE APRENDI COM MEU PAI – Direção: Getúlio Ribeiro (Goiana-GO)
PASSANDO O CHAPÉU – Direção: Rodrigo Sena (Natal-RN)
PEGADAS DE ZILA – Direção: Valério Fonseca (Natal-RN/Rio de Janeiro-RJ)
ROBERTO NO PAÍS DOS JUSTOS – Direção: Flavio Carnielli(Campinas – SP)
TOQUE – Direção: Calos Kamara (Camaragibe-PE)

ASCOM

SOBRE Christiano Moura

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *