Exame confirma morte cerebral de policial militar que sofreu acidente em Cajazeiras


Após seis dias de internação, foi confirmada, depois de exame realizado nesta sexta-feira (28), a morte cerebral do policial militar Marcelo Fernandes da Costa, do Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE), do 6º Batalhão da Polícia Militar em Cajazeiras (6º BPM), no Sertão, que havia ficado gravemente ferido após um acidente, na noite do último sábado (22), em uma das ruas do município sertanejo, localizado a 485 km de João Pessoa. A confirmação foi dada pelo comandante do 6º BPM, tenente-coronel Cunha Rolim, que recebeu informações do Hospital de Emergência e Trauma Dom Luiz Gonzaga Fernandes, em Campina Grande, para onde a vítima foi encaminhada.

Segundo Cunha, a família, por questões de foro íntimo, decidiu que não doará os órgãos. O policial permanecerá na UTI do Hospital de Trauma até que aconteça a falência dos demais órgãos.

No dia do acidente, de acordo com o Batalhão Trânsito da PM em Cajazeiras, o policial estava com um irmão dele em uma moto quando foi atingido por um carro. Com o impacto, as vítimas foram arremessadas e sofreram diversas fraturas pelo corpo.

Ao tentar fugir, o motorista do carro foi detido por policiais militares e encaminhado para a delegacia. De acordo com o agente Washington, da Polícia Civil de Cajazeiras, ele foi conduzido em seguida ao presídio local, mas, na última segunda-feira (24), foi ouvido em audiência de custódia e solto. Ele responderá pelo crime em liberdade.

Conforme a PM, o irmão do policial foi encaminhado para unidades hospitalares locais e teria apresentado um quadro de menor gravidade. Nesta sexta, a polícia não tinha informações sobre o estado de saúde atualizado dele.

marcelopolicial_556x600

Previous Servidores do IFPB em Cajazeiras deflagram greve
Next Alexandre Duarte vai ser o preparador físico do Paraíba de Cajazeiras na temporada 2017

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *