Convenção reúne nove partidos da situação em Cajazeiras e exclui PSB do governador Ricardo Coutinho


Após toda polêmica dos últimos dias em torno das coligações proporcionais, a segunda convenção do grupo político situacionista de Cajazeiras foi realizada na manhã desta terça-feira, 26. Reuniram-se, representantes e pré-candidatos dos partidos: PTB, DEM, PTdoB, PHS, PMB, PMN, PSC, PROS e PR. O local escolhido foi o escritório de advocacia do vice-prefeito Júnior Araújo, com início as 08h com término às 14h.

A grande expectativa sobre a presença ou não do DEM na convenção, foi quebrada com o comparecimento da vereadora e presidente municipal da legenda Léa Silva, que põe fim a todas as especulações sobre uma possível desistência dos Democratas.

A coligação conta como 9 partidos e 19 pré-candidatos, podendo eleger seis ou sete vereadores, segundo previsões do vice-prefeito Júnior Araújo (PTB), principal mentor da formação do grupo.

A ata da convenção deverá está sendo confeccionada na tarde de hoje e apresentada no cartório eleitoral ou, na quarta pela manhã, como estabelece as novas regras das eleições, até 24 horas após a realização da convenção.

convencao-dem

Previous Entidades representativas de Cajazeiras debatem paralisação das obras da Transposição do Rio São Francisco
Next CAPS de Cajazeiras assegura tratamento a usuária que tentou suicídio em rodovia

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *