“Cajazeiras não é celeiro para criminosos”, diz José Aldemir


aldemir-01

O deputado estadual José Aldemir (PEN) foi mais um a lamentar o fato do corpo do empresário conhecido como “Chico do Posto” ter ficado mais de cinco horas exposto ao sol até ser conduzido ao IML de Patos. Para José Aldemir, esse fato é o que se chama de falta de gestão. “Isso é uma falta de respeito com a população e não podemos silenciar”, disse.

De acordo com Aldemir, o IML tem sido cobrado de forma constante na Assembleia Legislativa, porém, o governador Ricardo Coutinho (PSB) não tem escutado os reclames. “Nossa voz não tem valor para o Estado”, disse. O deputado informou ainda que, existe uma emenda de sua autoria, aprovada e inserida no orçamento do Estado para a construção do IML em Cajazeiras.

Transferência de presos
O deputado aproveitou a ocasião para dizer que o Presídio Regional Padrão de Cajazeiras não tem a menor condição de receber mais 50 apenados vindos de outros locais. “Essa é mais uma decisão inconseqüente, pois, até o abastecimento de água do presídio está sendo feito por carro pipa”, disse o deputado.

Para Aldemir, o presídio mal pode abrigar os que lá estão encarcerados. “Cajazeiras não é celeiro para armazenar criminosos”, disse.

COM INFORMAÇÕES DO BLOG DO FURÃO

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *